outdoor-mrv-araras

Case MRV: OOH que traz economia e eficiência

Um dos principais setores da economia nacional, o mercado de construção civil voltou a ficar aquecido nos últimos dois anos. Do segundo trimestre de 2017 para o mesmo período de 2018, o aumento nas vendas foi de 32%. Na comparação entre os segundos trimestres de 2018 e 2019, mais um crescimento de 12% nas unidades vendidas.

Mas o que esse cenário otimista tem a ver com o out-of-home?

Bom, se há mais lançamentos de imóveis e mais gente querendo comprar casas, então haverá uma maior ocupação na mídia pelas marcas desse mercado.

A categoria de construção e incorporação, inclusive, foi a segunda que mais investiu em grandes formatos, como outdoors e empenas, em 2018, de acordo com a Kantar Ibope Media.

E uma das empresas que está impulsionando esse movimento é a MRV, um dos clientes da NOALVO para uma campanha a nível nacional em OOH.

arte-campanha-picap

Case Picap: Out-of-home para apps de transporte

Os apps de transporte caíram definitivamente no gosto popular. No Brasil, os seus usuários já comprometem até 10% das suas rendas mensais em viagens solicitadas por esses serviços.

Uber e 99, os dois mais conhecidos e usados até então, estiveram entre os 10 aplicativos mais baixados de 2018.

De olho nesse movimento, a colombiana Picap desembarcou em terras brasileiras em junho de 2019 para oferecer uma alternativa mais ágil e barata para os passageiros.

Só que era preciso popularizar a ferramenta para os seus potenciais usuários e clientes. O OOH, nessa missão, vem desempenhando um papel fundamental.

Anúncio em outdoor do Ifood, em Erechim, no Rio Grande do Sul

Case Ifood: OOH para expansão territorial

Impulsionado pelas percepções de comodidade, praticidade e oferta de bons descontos, o mercado de aplicativos de delivery cresce de forma acelerada no Brasil.

Somente em 2018, os pedidos de restaurantes e lanchonetes feitos por aplicativos movimentaram cerca de R$ 11 bilhões, segundo a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (ABRASEL).

Liderando esse movimento, está o iFood. O aplicativo é o mais conhecido entre os usuários brasileiros de apps de delivery e segue em franca expansão territorial para manter o seu domínio.

Para conquistar novos espaços, o out-of-home tem um papel preponderante.

painel-acesso-faria-lima-cuponeria

Case Cuponeria: O OOH na popularização de apps

A Cuponeria é uma plataforma de cupons de descontos inaugurada em 2011. Suas ofertas cobrem restaurantes, supermercados, lojas de moda, e-commerces e outros serviços. Para aproveitar os cupons, os clientes não pagam qualquer taxa ou assinatura.

A comunicação da marca normalmente é feita com os parceiros (estabelecimentos comerciais e e-commerces que desejam vender mais a partir de cupons) e com o consumidor final (mostrando que a economia gerada é real). E aí vem o desafio de estabelecer a cultura de uso de cupons no Brasil.

Pensando em popularizar o seu modelo de negócio e sua própria marca, a empresa optou por anunciar nos trens e estações do Metrô e da CPTM de São Paulo com a NOALVO. Por isso, vamos nos aprofundar neste estudo de caso.

Exemplo de Painel Lightbox da campanha da São Camilo na estação Chácara Klabin

Case São Camilo: Das estações de metrô ao digital

O mercado educacional é um dos responsáveis pelos maiores investimentos em out-of-home no Brasil. Em 2017, foi o setor que mais destinou verba para a mídia exterior, com uma fatia de 9% do total.

Em 2018, segundo a Kantar Ibope Media, o ensino escolar e universitário foi a categoria que mais investiu em formatos como transportes, mobiliário urbano, outdoors e painéis.

Uma das instituições de ensino que levantaram esse movimento é o Centro Universitário São Camilo. A empresa viu, nas estações de metrô, os espaços mais oportunos para divulgar seus cursos de pós-graduação a distância.